ActualEconomiaRegional
24 Agosto, 2020

Monforte: “100 Milhões de euros de investimento em Santo Aleixo” na Central Solar

Central solar ocupará mais de 350 hectares no Alentejo.

A central fotovoltaica de Santas será construída no Alentejo, ocupando mais de 350 hectares, distribuídos entre os concelhos de Monforte e Borba, nas herdades de Santas e da Penuzinha, avança o Expresso na sua plataforma on line.

De acordo com o Expresso, “o processo de licenciamento ambiental, que acaba de entrar em consulta pública, mostra que a central terá um total de 444 mil painéis fotovoltaicos (de 405 watts cada), com a tecnologia bifacial: os módulos receberão a maior parte da energia da parte diretamente exposta ao sol, mas também produzirão eletricidade na superfície traseira com a radiação indireta e difusa refletida pelo solo.

“100 Milhões de euros de investimento em Santo Aleixo”

Gonçalo Lagem, Presidente da Câmara Municipal de Monforte, já reagiu na sua página de Facebook, escrevendo:

“Apesar de ter já dado conhecimento na fase inicial do projeto, aquando do primeiro contacto com empresa e proprietários, surge agora a sua fase final e até final do ano, o início dos trabalhos! É no Concelho de Monforte, mais concretamente em Santo Aleixo! 100 milhões de euros de investimento! Mais oportunidades para as pessoas, valorização do território e de uma forma crescente a afirmação do Concelho”, escreveu o autarca.
Ainda de acordo com a notícia do Expresso, “a Akuo estima realizar neste projeto um investimento de 100 milhões de euros, já incluindo a central solar e a linha de ligação à rede em muito alta tensão.

O leilão solar realizado em Portugal em 2019 adjudicou quase 1300 MW de futura capacidade fotovoltaica, com um preço médio de venda de energia em torno de 20 euros por MWh (menos de metade do preço-base da licitação, que era de 45 euros por MWh).

Além dos 370 MW da Akuo, outras empresas asseguraram lotes com dimensão relevante, como foi o caso da Iberdrola, que ganhou o direito a construir 149 MW, e a Aurapower, com 168 MW.

Esta segunda e terça-feira, dias 24 e 25 de agosto, decorre o segundo leilão solar, para adjudicar outros 700 MW de futura capacidade fotovoltaica em Portugal”, pode ler-se no artigo publicado esta segunda feira.

About this author

0 comments

There are no comments for this post yet.

Be the first to comment. Click here.