ActualEconomiaRegional
9 Abril, 2018

Portugal e Espanha: “Estamos Juntos” na Logística Transfronteiriça

Gestão comum dos recursos logísticos irá permitir otimizar custos, eficácia e funcionalidade no transporte de mercadorias.

A Ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, presidiu à assinatura do Memorando de Entendimento em Matéria de Logística Transfronteiriça, com o Presidente do Governo Regional da Extremadura, Guillermo Fernández Vara, e o Presidente da Câmara Municipal de Elvas, Nuno Mocinha.

A cerimónia teve lugar ao início da tarde desta segunda-feira, 9 de abril, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

Ana Paula Vitorino: “Estamos Juntos” 

A Ministra afirmou que com a assinatura deste memorando “temos a consciência que juntos chegaremos mais longe (…) é mais um passo para a cooperação que vai criar mais riqueza e postos de trabalho para portugueses e espanhóis, nomeadamente através das empresas para que ambos os países possam crescer e destacar-se a nível da União Europeia e do mundo”,

A governante destacou ainda a aposta “na logística 4.0, que visa estender o mais moderno, desenvolvido e mais singular no acompanhamento da logística e da economia”.

Ana Paula Vitorino garantiu que todo o processo é informatizado, contribuindo para uma economia mais barata, próspera e útil, consistindo esta estratégia num avanço civilizacional importante”.

Por último, a Ministra reforçou que com esta estratégia logística comum transfronteiriça “Estamos Juntos”, aludindo à união dos países (Portugal e Espanha).

Cooperação transfronteiriça

Os intervenientes neste processo consideram a  cooperação transfronteiriça fundamental para o desenvolvimento do Corredor Atlântico na Rede transeuropeia de transportes da RTE-T, permitindo ligar os portos do sul de Portugal à Península Ibérica, ao sudoeste europeu e ao resto da Europa.

Nuno Mocinha: “Livre circulação de mercadorias”

O Presidente da Câmara Municipal de Elvas, Nuno Mocinha, considerou este “um dia importante para o Alentejo, Extremadura e, por conseguinte para Portugal e Espanha”.

“Trata-se de um grande passo numa relação de fronteira que contribui também para o entendimento do conceito de Eurocidade, num contexto de cooperação, complementariedade e não de concorrência”, afirmou.

Para o autarca elvense, “a Janela Única Logística é a desmaterialização para que não haja fronteira para que as mercadorias possam entrar e circular livremente. Trata-se de uma boa notícia para os operadores, como a Transitex, que faz a gestão da plataforma logística de Elvas, bem como para as empresas que utilizam esta plataforma, como são exemplo as empresas Delta e Telefac. Desta forma, torna-se mais fácil  e mais barato se tiverem a janela única a funcionar, sendo que a mesma resulta de uma iniciativa do governo de Portugal”.

Administração da Empresa Telefac Internacional

Empresário Rui Nabeiro (Grupo Delta Cafés) e vice-presidentes das Câmaras de Elvas (Cláudio Carapuça) e Campo Maior (João Muacho)

Janela Única Logística vai permitir modernizar sistema logístico e reduzir tempos de espera nos portos

A nova Janela Única Logística, lançada no início de março deste ano pela Ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, vai permitir benefícios superiores a 50 milhões de euros e a redução dos tempos de espera.

A nova plataforma, que a governante espera que entre em funcionamento no próximo ano, estende a todo o sistema logístico e a todos os meios de transporte a simplificação de procedimentos e a troca de informação em suporte eletrónico.

O Governo espera que o projeto possa ser implementado em todos os portos do país no espaço de dois anos mas até ao final de 2018, Ana Paula Vitorino quer ver esta realidade em funcionamento nos portos de Sines e de Leixões.

O investimento de 5,1 milhões de euros é comparticipado pelo programa Compete 2020 em 85%.

Guillermo Vara: “Gestão comum dos recursos logísticos”

Para o Presidente do Governo Regional da Extremadura, Guillermo Fernández Vara, esta cooperação, que definiu como “de terceira geração” vai possibilitar a gestão comum dos recursos logísticos existentes, o que significa uma “extraordinária notícia”.

Segundo Vara, “pensar em comum e olhar o futuro pela mesma lente retrata uma profunda solidariedade entre os territórios e cidadãos”.

Guillermo Vara observou ainda que a assinatura deste compromisso é “um bom exemplo para a União Europeia”.

Neste evento foi celebrado um Protocolo de Colaboração entre as entidades dinamizadoras do projeto Janela Única Logística: a DGRM – Direção Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos, a Administração do Porto de Lisboa, a Administração dos Portos de Sines e do Algarve e as entidades responsáveis pela dinamização da Plataforma Logística de Elvas, nomeadamente a Câmara Municipal de Elvas e a Transitex – Trânsitos de Extremadura.

Assinatura do Protocolo de Colaboração Projeto JUL – Janela Única Logística

O documento foi assinado pelo Diretor Geral da Direção Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos, José Simão, pela Presidente do Conselho de Administração dos Portos de Setúbal, Sesimbra e de Lisboa, Lídia Sequeira, pelo Presidente do Conselho de Administração do Porto de Sines, José Luis Cacho, pelo Presidente da Câmara Municipal de Elvas, Nuno Mocinha, e pelo Administrador da Transitex, Fernando Lima.

Assinatura de Memorando de Entendimento em Matéria de Logística Transfronteiriça

O documento foi assinado pela Ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, pelo Presidente do Governo Regional da Extremadura, Guillermo Vara e pelo Presidente da Câmara Municipal de Elvas, Nuno Mocinha.

About this author

0 comments

There are no comments for this post yet.

Be the first to comment. Click here.

Deixar uma resposta