ActualCulturaRegional
14 Julho, 2019

Festival Internacional de Música de Marvão tem início

O FIMM está nos roteiros europeus de festivais de Verão de música clássica.

O Festival Internacional de Música de Marvão – FIMM – tem início este domingo, 14 de julho e decorre até 29 de julho, naquela vila histórica do Norte Alentejano.

Este domingo tem lugar o Prelúdio, pelas 21 horas (portuguesas), em Valência de Alcântara (Espanha), Corral de las Vacas, com a Banda Euterpe.

O Prelúdio vai também passar por Monforte, nos dias 17 e 18 de julho. No dia 19 de julho, sexta feira, o Festival chega ao pátio do Castelo de  Marvão, com a Gala de Abertura BPI/La Caixa.

Ver programa completo Aqui

Amizade e cooperação entre os povos

Ao longo da história, Marvão foi sempre uma terra em que diferentes culturas, religiões e populações se cruzaram; com uma presença importante no período Neolítico, Marvão viu também passar por suas terras os Celtas, os Romanos, os Mouros e os Judeus durante o seu êxodo de Espanha.

Essa dinâmica conjunta é um dos pilares deste FIMM. Pretende dar-se continuidade à tradição desses princípios, trazendo-os ao evento e transformando-os na base da sua missão – “a amizade e a colaboração entre os diferentes povos”.

Qualidade

Músicos do mais alto nível artístico marcaram presença nas edições anteriores. A Orquestra da Gulbenkian e os músicos de mérito vindos dos quatro cantos do planeta, em uníssono, ultrapassaram todas as expectativas dos espectadores colocando o FIMM nos roteiros europeus de festivais de Verão de música clássica.

A qualidade tornou-se assim outro dos nossos valores principais, e é ela que se impõe para fazer deste festival uma referência no panorama da música clássica em Portugal e do mundo.

Através de um programa criterioso e da selecção de músicos ímpares, pretende-se atrair amantes de música clássica, da Europa e do mundo, e, ao mesmo tempo, ser uma de porta de entrada a novo público, às famílias e aos jovens, dando o nosso contributo e as melhores referências para a educação musical de uma nova geração.

About this author

0 comments

There are no comments for this post yet.

Be the first to comment. Click here.

Deixar uma resposta