Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
ActualFernanda SesifredoOpinião
8 Março, 2018

Dia da Mulher

Não é necessário tanto alarido, além de que estas provas de amizade, solidariedade e amor deixam-me desconfiada.

8 de Março

Assinala-se o Dia Internacional da Mulher.

 

Não consigo entender o porquê de tanta poesia, música e outros mimos dirigidos à mulher, pois duvido que tenham sido escritas com o propósito de comemorar esta data em particular.

Para a mulher sim. Para esta data não!
Não é necessário tanto alarido, além de que estas provas de amizade, solidariedade e amor deixam-me desconfiada.

É difícil compreender a “mensagem” quando há tanta gente a cantar e a falar ao mesmo tempo.

Recordo anos anteriores e tudo o que se diz ou escreve em relação à Mulher parece um copy-paste. É chato!

Todos os dias devem ser dias de respeitar, cantar, amar e fazer poesia para o ser humano.

O resto não me serve. Com o devido respeito pela data em causa e pela mulher.

MAS ATENÇÃO: Por este mundo fora, há quem procure o problema e também a solução, sem recurso a estas pieguices e, a estas pessoas não lhes serve o ditado popular “Quem não tem unhas não toca viola”.
Enquanto a conversa for sempre a mesma, o resultado nunca será diferente.

About this author

0 comments

There are no comments for this post yet.

Be the first to comment. Click here.