ActualRegional
11 Março, 2018

5 Séculos de Vida da Santa Casa da Misericórdia de Monforte

Perspetiva produziu o vídeo de aniversário dos 500 Anos.

Na vila de Monforte há 500 anos que existe a Santa Casa da Misericórdia.

Monforte faz parte do conjunto de Santas Casas fundadas no reinado de D. Manuel I, na sequência de privilégios concedidos pela coroa.

Assim começou a história de uma instituição que marca a diferença neste concelho do Norte Alentejano.

Ao longo de mais de cinco séculos de existência, as Misericórdias têm sido “porto seguro” para milhares de portugueses.

A instituição é atualmente a casa para 51 idosos na sua valência de lar Residência.

Ao fim de uma vida longa de trabalho e provações são vários os motivos que levam os séniores a recorrer a esta ajuda.

David Rodrigues, 56 anos, assumiu as funções de Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Monforte há um ano.

Há muito que se encontra ligado a esta Causa e agora chegou a sua vez de liderar esta instituição, tendo como rumo a solidariedade e responsabilidade social para com os que se encontram vulneráveis.

Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Monforte

Desde 2003, que a Santa Casa da Misericórdia de Monforte apostou numa vertente inovadora: Prestar o seu apoio e auxílio às mães e pais daquele concelho através da creche.

Misericórdia de Monforte a cumprir a sua missão: Satisfazer  as necessidades diagnosticadas na comunidade.

Atualmente, 21 crianças frequentam este espaço, dos 3 meses aos 3 anos de idade.

Apoio ao Domicílio 

Todos os dias sem excepção, durante 365 dias por ano,  a Santa Casa da Misericórdia de Monforte cumpre a sua Missão: Ser a mão que se estende para prestar uma ajuda desinteressada.

Nos dias de hoje presta apoio em onze domicílios levando as refeições; fazendo higiene e tratamento das casas e roupa.

Sandra Branco exerce funções há 10 anos na Santa Casa. É a diretora técnica e conhece os utentes pelo nome. A relação de familiaridade cultiva-se dia a dia.

 

O edifício da Santa Casa tem cerca de vinte quartos para 51 utentes, com duas a três pessoas por quarto. Ana Rodrigues é enfermeira da Santa Casa há mais de dois anos e trata de todos os assuntos relativos à saúde dos utentes.

As patologias mais comuns são as demências, diabetes e hipertensão. A Santa Casa tem 17 utentes dependentes totais em todas as atividades de vida e 24 dependentes parciais, ou seja, que necessitam de Ajuda numa ou outra atividade.

Recuperação de painéis de azulejos do século XVIII

Paula Morgado – arqueóloga da Câmara Municipal  de Monforte

A Santa Casa da Misericórdia de Monforte é proprietária de um conjunto de painéis de azulejos datados do século XVIII, com representações da vida da rainha Santa Isabel

Este valioso espólio encontrava-se acondicionado em 59 caixotes de madeira e em 2012, através de um protocolo com a Câmara Municipal de Monforte, iniciou-se o processo de montagem de painéis, registo e reacondicionamento dos azulejos.

No total são 15 mil azulejos e estima-se que o trabalho de inventariação e remontagem esteja terminado no verão de 2018.

Trata-se de uma importante missão da santa Casa no que ao Património Cultural diz respeito.

48 postos de trabalho

A Santa Casa de Monforte é também uma instituição importante a nível social e económico para o concelho, assegurando 48 postos de trabalho.

About this author

0 comments

There are no comments for this post yet.

Be the first to comment. Click here.

Deixar uma resposta